• LOJA H. FREIRE ANTENAS PARABÓLICAS, MOVEIS E ELETROS. ZÉ DOCA-MA E SANTA LUZIA-MA
  • CHURRASCARIA TRADIÇÃO A MELHOR DA CIDADE. SERVIMOS ALMOÇO E JANTAR

Prefeitura de Zé Doca realiza campanha Janeiro Roxo em alerta a hanseníase

A Campanha Janeiro Roxo tem o objetivo combater à hanseníase, doença infecciosa  causada por uma bactéria que lesiona os nervos periféricos  e diminui a sensibilidade da pele, antigamente chamada de lepra.

Em Zé Doca, deu-se inicio a campanha e diversas ações estão sendo executadas através da secretaria de saúde para orientar a população sobre a doença e os serviços ofertados pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

A doença tem cura. Mas se não for devidamente tratada pode causar  incapacidades físicas, alerta o Secretario de Saúde Francisco Barros Lima.

Ele orienta que  as pessoas procurem uma  unidade de saúde assim que perceberem o aparecimento de manchas, em qualquer parte do corpo, principalmente se a área apresentar diminuição de sensibilidade ao calor e ao toque.

A ação está sendo realizada em diversas Unidades Básicas Saúde do munícipio e durante todo o mês, como ações educativas, além de avaliações dermatoneurológicas para diagnóstico precoce da doença.

Durante a campanha, as equipes de saúde da rede municipal realizam consultas médica de enfermagem, palestras educativas abertas à comunidade, rodas de conversas, e testes de sensibilidade para identificar casos da doença.

Para a prefeita Josinha Cunha, a intensificação de campanhas no município tem sido um grande marco, principalmente no que se refere a prevenção.

“É importante que as pessoas saibam que a hanseníase tem cura, basta ficar atento e buscar a prevenção por meio do diálogo e auxílio dos nossos profissionais que estarão durante todo o mês levando informação sobre a doença”, explicou a prefeita.

A hanseníase é uma doença infecciosa, crônica, causada por uma bactéria e que afeta a pele e os nervos periféricos, em especial os dos olhos, braços e pernas. A hanseníase tem cura e se tratada precocemente e de forma adequada, pode evitar sequelas.

PUBLICIDADE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*